daito manabe

Face visualizer, Instrument and Copy?

A performance de “Visualização da face, Instrumentos e Cópia”, já apresentada nos mais importantes festivais de arte e tecnologia do mundo, tem influência do trabalho do pesquisador francês GB Duchenne com seu trabalho “Mecanisme de la physionomie humain” e do artista austríaco Stelarc com a pesquisa de”Ping Body”, que recria movimentos robóticos a partir de sensores colocados em seu corpo. Os experimentos iniciais de Daito Manabe com o uso de “sensores myoelétricos” e geradores de pulso de baixa frequência que copiam a expressão de um rosto para outro e que resultaram no vídeo chamado de “Estímulo para testar a Face”, que ficou mundialmente conhecido no Youtube, onde podemos ver o artista criando e manipulando sons em tempo real através de movimentos faciais que são lidos pelos sensores.

© Live Cinema